ZEG

Facebook Instagram

Biogás de Aterro

Um aterro de resíduos sólidos pode ser considerado como um reator biológico onde as principais entradas são os resíduos e a água e as principais saídas são os gases e o chorume.

O gás de aterro é composto por vários gases, alguns presentes em grandes quantidades como o metano e o dióxido de carbono e outros em quantidades em traços. Os gases presentes nos aterros de resíduos incluem o metano (CH4), dióxido de carbono (CO2), amônia (NH3), hidrogênio (H2), gás sulfídrico (H2S), nitrogênio (N2) e oxigênio (O2). O metano e o dióxido de carbono são os principais gases provenientes da decomposição anaeróbia dos compostos biodegradáveis dos resíduos orgânicos e estão entre os principais responsáveis pelo aquecimento global.

O objetivo do aproveitamento energético do biogás produzido pela degradação dos resíduos é convertê-lo em uma forma de energia útil, tais como eletricidade, vapor, combustível para caldeiras.

Fonte: Ministério Meio Ambiente, Brasil

 

Biodigestão

O princípio de funcionamento dos biodigestores se baseia no processo de decomposição biológica. Cria-se um ambiente artificial favorável ao desenvolvimento de bactérias anaeróbias, que aceleram o processo de decomposição dos resíduos e produzem gases com alto poder calorífico, destinados ao aproveitamento energético. Existem vários modelos de biodigestores que se adequam aos diferentes tipos de resíduos obtidos no meio rural, tais como casca de arroz de dejetos animais.

 

Como pode ser usado o Biogás:

Contato

Telefones : +55 11 3074-5100
E-mail : contato@zeg.com.br

Endereço: Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 360
Vila Nova Conceição, São Paulo – SP, 03178-200

Uma empresa do Grupo Capitale Energia